Operadora de jogo MGM China adia inauguração de novo empreendimento em Macau

Em comunicado à bolsa de valores de Hong Kong, a operadora indicou “estar a decorrer o processo de obtenção das licenças necessárias à operação do MGM Cotai”. A MGM...

Em comunicado à bolsa de valores de Hong Kong, a operadora indicou “estar a decorrer o processo de obtenção das licenças necessárias à operação do MGM Cotai”.

A MGM China, operadora de jogo em Macau, anunciou esta quinta-feira o adiamento para fevereiro da abertura do novo empreendimento no Cotai, cuja inauguração estava prevista para segunda-feira.

Em comunicado à bolsa de valores de Hong Kong, a operadora indicou “estar a decorrer o processo de obtenção das licenças necessárias à operação do MGM Cotai”, segundo ‘resort’ integrado da empresa em Macau e primeiro na zona de casinos entre as ilhas da Taipa e de Coloane.

A MGM China espera inaugurar o empreendimento no próximo mês de fevereiro, sem adiantar uma data específica, referiu num comunicado publicado no ‘site’ da companhia. A empresa acrescentou que o orçamento geral do projeto se mantém inalterado em cerca de 27 mil milhões dólares de Hong Kong (2,7 mil milhões de euros).

A operadora de jogo MGM China resulta de uma parceria entre Pansy Ho, filha do magnata Stanley Ho, e a MGM Resorts. Macau, capital mundial do jogo, é o único local na China onde o jogo em casino é legal.

Fonte: Observador

REDE DE RESPONSABILIDADE SOCIAL                                                                                                                                                        
Rede de Responsabilidade Social (RRS)

 

Categories
NOTÍCIAS

RG NEWS Gambling and Social Responsibility