Transações suspeitas de branqueamento de capitais em Macau sobem 43,2%

O jogo foi a atividade que deu origem a mais denúncias, 1.128, ou 51,6%% do total.

As autoridades de Macau registaram no primeiro semestre do ano 2.187 participações de transações suspeitas de branqueamento de capitais e de financiamento do terrorismo, mais 43,2% do que 2017.

As autoridades de Macau registaram no primeiro semestre do ano 2.187 participações de transações suspeitas de branqueamento de capitais e/ou de financiamento do terrorismo, mais 43,2% do que no período homólogo de 2017.

De acordo com dados publicados na quarta-feira pelo Gabinete de Informação Financeira (GIF), nos primeiros seis meses do ano foi registado um aumento de 660 participações, em relação a igual período do ano passado.

O jogo foi a atividade que deu origem a mais denúncias, 1.128, ou 51,6%% do total, seguindo-se instituições financeiras e companhias de seguros, com 617. Outras instituições representaram 8,6% das denúncias (442), indicou o GIF. No mesmo período de análise em 2017, o jogo representava 70,3% (1.074) do total das denúncias (1.527).

O aumento das participações no primeiro semestre de 2018, em comparação com o período homólogo de 2017, deveu-se sobretudo ao aumento das denúncias no segmento das outras atividades. O número destas denúncias foi 11 vezes superior do que o registado entre janeiro e junho de 2018.

De acordo com o GIF, Macau recebeu em 2017 um total de 3.085 participações de transações suspeitas de branqueamento de capitais e/ou de financiamento do terrorismo.

Os setores referenciados, como os casinos, são obrigados a comunicar às autoridades qualquer transação igual ou superior a 500 mil patacas (52,2 mil euros).

 

 

Fonte: Observador

 

VISITE OS NOSSOS SÍTIOScurved_arrow-512
REDE DE RESPONSABILIDADE SOCIAL                                       JOGO EXCESSIVO                                                                                                      FRAUDE DESPORTIVA

    

 

Categories
GAMBLING NEWS (PT)Macau Gambling News (PT)

RG MAGAZINE Gambling and Social Responsibility
No Comment

RELATED BY